Manuel António Cosqueiro MARTINS, ®
(1774-1845)

 

Relações da família

Cônjuges/Filhos:
1. Maria Josefa FERREIRA

Manuel António Cosqueiro MARTINS, ®

  • Nascimento: Souto, , Braga, Portugal
  • Baptizado: 1774, Souto, , Braga, Portugal
  • Casamento (1): Maria Josefa FERREIRA em 1793 em Sal Rei, Boavista, Cape Verde
  • Óbito: 6 Jul 1845, Sal Rei, Boavista, Cape Verde com 71 anos de idade
imagem

Símbolo  Eventos de relevo na sua vida:

• Nota biográfica:,. Comandante da Marinha Mercante, naufragou na Ilha da Boa Vista por volta de 1792. Armador. Comerciante. Proprietario. Politico. Deputado nas Cortes Constituintes em 1821. Nomeado Conselheiro por D. Maria II. Governador de Cabo Verde, 1833-1835 (único a usar o titulo de Prefeito das Ilhas). Fundador das Salinas de Pedra Lume na Ilha do Sal. Fundador do povoamento da Ilha do Sal e da Vila de Santa Maria. Fixou-se na Ilha da Boa Vista onde casou com a filha do coronel de milicias e capitão-mór Aniceto Ferreira.

De acordo com a Enciclopédia Britanica, Manoel Antonio Martins chegou a Cabo-Verde em 1793 com apenas 19 anos, quando ao caminho dos Acores o seu barco foi arrastado pelas currentes e foi parar a Boa Vista , ai conheceu a Maria Josepha Ferreira filha do Capitao Mor Aniceto Alvares Mendes Ferreira com quem se casou e teve 16 filhos. Era filho de Joao Antonio Martinez Cosqueiro e de Bernarda di Autrello eles estavam das Asturias, Espanha e viviam em Braga onde nasceu Manoel Antonio.
Foi conselheiro do Rei, governador de Cabo-Verde, foi Archeiro-Mor da Casa Real, Donatário da Ilha do Sal, Consul dos Estados Unidos, Milionario e empreendedor dono das Salinas do Sal e tinha o exclusivo da exportação da Urzela. Como Governador mandou fazer as primeira instalacoes de agua canalizada na cidade da Praia e na Vila de Nova Sintra, Brava.
Foi o fundador da Pedra de Lume e da Vila de Sta Maria, mandou popular as ilhas do Sal e S. Vicente.

Construiu o Tunel de ligação ao fundo da cratera e a linha ferrea que ligava as salinas ao porto.

3. Construiu os caminhos-de-ferro da ilha do Sal que foram as primeiras linhas ferreas da Africa.
Em "A ILHA DO SAL DE CABO VERDE", por Joaquim Vieira Botelho da Costa - Boletim da Sociedade de Geografia nº 11 de 1882: "Com o espírito arrojado que possuía (o Conselheiro Martins) nesse ano de 1836 fez assentar o referido caminho-de-ferro, de cerca de 1,5 Km que saindo da salina vinha entestar no lugar de embarque. E foi essa a primeira via férrea assente em território português, bem, como foi o primeiro o túnel por ele mandado abrir no monte da Pedra Lume. Por aquele caminho-de-ferro era conduzido o sal em wagonetes ... que, puxados a muares, o levavam aos depósitos donde em balaios era embarcado à cabeça de mulheres. Se o vento estava de feição, isto é, de NE, supriam as velas, que adaptavam aos carros, ... vindo então os carros da salina puxados pelo vento, e retirando (descarregados), impelidos a braços."

Em "DESCRIÇÃO DA ILHA DO SAL" por Sócrates da Costa - Revista Colonial, números de Outubro e Novembro de 1888: "Foi o Conselheiro Martins que ali construiu (na ilha do Sal) para o tráfego das salinas o primeiro caminho-de-ferro que houve em toda a monarquia portuguesa."

Faleceu no Sal em 1848. Com 74 anos.

Manoel António Martins (Braga, em 1772 - em 1845).
Filho de João António Cosqueiro e de Bernarda di Autrello, de origem italiana, tendo chegado a Cabo Verde em 1792, foi Governador de Cabo Verde e da Guiné entre 1833 e 1835, nomeado conselheiro real, vice-cônsul honorário dos Estados Unidos e o principal respons¡vel pelo povoamento da Ilha do Sal, tendo sido designado como Prefeito, tendo fixado escravos na ilha desde 1799, para explorar as salinas de Pedra de Lume, descobriu um pântano propício para essa actividade, a poucos passos dum bom ancoradouro. O acesso ao pântano teve que ser aberto a braços dos escravos, que talharam em 1804 o túnel que permitiu a exploração das salinas. Em 1830, funda oficialmente a vila de Santa Maria, na Ilha do Sal, tendo mais tarde incrementado o seu negocio à vila de Pedra de Lume. Principal armador de Cabo Verde e administrador do comércio de urzela, por várias vezes socorreu e custeou as despesas de mantimento em épocas de fome. Casou com D. Maria Josepha Ferreira, filha de Aniceto António Ferreira Álvares Mendes, natural de Nelas (Portugal), capitão-mor da Boavista, e de D. Filipa Inês da Graça, da qual houve larga descendencia.

4. Bibliografia consultada
Imprensa da época: O Século, Jornal do Comércio e das Colónias, Boletim da Agência Geral das Colónias, Revista das Colónias, Revista de Obras Públicas, Bol. da Sociedade de Geografia, Portugal em África, O Futuro de Cº Verde, A Voz de Cº Verde, Bol. Oficial de Cº Verde. Obras e artigos: "A Ilha do Sal de Cabo Verde", por Joaquim Botelho Pereira da Costa, Cabo Verde, 1882. "Considerações sobre Cº Verde", Antº Alfredo Barjona de Freitas - Livrª Férin, Lisboa, 1905. "Subsídios para a História de Cº Verde e Guiné", Crisóstomo J. de Sena Barcelos, Lisboa, 1911.
"Subsídios para a Indústria de Cabo Verde", por Augusto Barros, S. Vicente, Cabo Verde, 1916.

• Descendência: tiveles estavam 16 filhos.



• Sepultura/Campa: epitáfio.


imagem

Manuel casou com Maria Josefa FERREIRA em 1793 em Sal Rei, Boavista, Cape Verde. (Maria Josefa FERREIRA nasceu cerca de 1777 em Sal Rei, Boavista, Cape Verde e faleceu em 1856 em Sal, Cabo Verde.)


imagem

Esclarecimentos do administrador deste site genealógico:

1) Por falta dum contacto, muitas vezes não pude pedir às pessoas a devida autorização para divulgar seus dados e fotos neste site. Assim, peço aos que não desejem conceder tal autorização, o favor de me contactarem com instruções a respeito, pelo endereço electrónico incluso nesta página.

2) A todos os que quiserem colaborar na construção desta árvore, convido igualmente a enviar contributos, ficheiros e fotos para:

Emailjorsoubrito@hotmail.com

3) Os nomes seguidos de um asterisco (*) são os dos ascendentes directos de Jorge Sousa Brito. Assim, ao navegar em linha ascendente a partir de um nome e encontrar um com (*), saberá que esse é dum antepassado comum de JSB e do portador do nome donde partiu

4) Nomes seguidos de um ® estão retratados por uma fotografia, uma pintura, um desenho ou uma escultura de seu portador

Pode procurar outros eventuais nomes nesta árvore utilizando a "box" a seguir:




Sumário | Apelidos | Lista de nomes

Esta página Web foi criada a 17 Jul 2017 com Legacy 9.0 de Millennia