seta
Ervígio FAVILA, [39m]* ®
(0610-0687)
Liubigotona BALTES, [39m]*
(0622-0675)
Pedro das ASTÚRIAS, [38m]*
(0650-0730)
Ermesinda de CANTÁBRIA, [38m]*
(0680-0739)

Afonso I das ASTÚRIAS, [38m]* ®
(Cerca de 0690-0757)

 

Relações da família

Cônjuges/Filhos:
1. Ermesinda das ASTÚRIAS, [38m]*

Afonso I das ASTÚRIAS, [38m]* ®

  • Nascimento: Cerca de 690, Leão, Espanha
  • Casamento (1): Ermesinda das ASTÚRIAS, [38m]* em 715
  • Óbito: 757 com cerca de 67 anos de idade
imagem

Símbolo  Eventos de relevo na sua vida:

• Anotações gerais. Rei das Asturias casou com Ermesinda das Asturias, em 715, filha de Pelagio das Asturias e de Gaudásia.....

Afonso I das Astúrias (? - 757) foi Rei das Astúrias e Duque da Cantábria desde 739, descendente do rei visigodo Recaredo. Alguns autores indicam que terá casado com Ermesinda, filha de Pelágio, tornando-se, portanto, seu genro e herdeiro do trono. Era herdeiro das terras na Cantábria por parte do seu pai, o Duque Pedro de Cantábria. Afonso terá nascido provavelmente em Tritium Magallum (Tricio, La Rioja), sede do seu progenitor, Pedro, duque da Cantábria: a crónica Albeldense narra que Afonso partiu de terras riojanas para as Astúrias para contrair matrimónio com Ermesinda. A morte de Fávila possibilitou-lhe o acesso ao trono, assim como a chegada ao poder de uma das famílias que se tornaria das mais poderosas no Reino das Astúrias: a Casa de Cantábria. Com o passar do tempo, e com a progressiva despovoação da Meseta e do Vale Médio do Ebro, onde se situavam as principais praças fortes do Ducado da Cantábria, como Amaya, Tricio, ou a Cidade da Cantábria, os descendentes do Duque Pedro foram-se progressivamente transladando para a região cantábrica e aí se misturaram com os destinos do Reino das Astúrias



Afonso I autoproclama-se Rei das Astúrias, ao contrário de Pelágio e seu filho Fávila, e, com ele, retoma-se a Reconquista, aproveitando as guerras internas dos mouros. Anexa-se a Galiza em 740, Leão em 754. Governou durante 19 anos

Filhos:

13. Fruela I das Astúrias
13.Vimarano, pai de Bermudo I das Astúrias

E de uma árabe, cujo casamento daria um filho bastardo:

13.Mauregato das Astúrias


imagem

Afonso casou com Ermesinda das ASTÚRIAS, [38m]* em 715. (Ermesinda das ASTÚRIAS, [38m]* nasceu em 700.)


imagem

Esclarecimentos do administrador deste site genealógico:

1) Muitas vezes por falta dum contacto não foi possível pedir às pessoas a devida autorização para divulgar seus dados e fotos neste site. A estas pessoas apresento desde já desculpas pelos eventuais constrangimentos causados por este procedimento, que foi, não por indelicadeza, mas sim e apenas, com intuito académico. Assim, aos que não desejariam conceder tal autorização, peço o favor de me contactarem com instruções a respeito (endereço electrónico incluso nesta página).

2) Porem, a todos os que quiserem colaborar na construção desta árvore, convido igualmente a enviar informações, ficheiros e fotos para:

Emailjorsoubrito@hotmail.com

3) Os nomes seguidos de um asterisco (*) são os dos ascendentes directos de Jorge Sousa Brito. Assim, ao navegar em linha ascendente a partir de um nome e encontrar um com (*), saberá que esse é dum antepassado comum de JSB e do portador do nome donde partiu

4) Nomes seguidos de um ® estão retratados por uma fotografia, uma pintura, um desenho ou uma escultura de seu portador

Pode procurar outros eventuais nomes nesta árvore utilizando a "box" a seguir:




Sumário | Apelidos | Lista de nomes

Esta página Web foi criada a 15 Nov 2017 com Legacy 9.0 de Millennia