seta seta seta seta
José Pedro Gomes FONSECA
(1844-1888)
Teresa Maria de Jesus PEREIRA
Pedro José DUARTE
(1856-)
Isabel Duarte CRISTINA
(1857-)
Torquato Gomes FONSECA ®
(1881-1954)
Leopoldina DUARTE
(1884-1938)

Humberto Duarte FONSECA ®
(1916-1983)

 

Relações da família

Cônjuges/Filhos:
1. Maria Adélia de BARROS ®

Humberto Duarte FONSECA ® 1

  • Nascimento: 20 Nov 1916, Mindelo, São Vicente, Cabo Verde 1
  • Casamento (1): Maria Adélia de BARROS ®
  • Óbito: 21 Fev 1983, Lisboa, , Lisboa, Portugal com 66 anos de idade
  • Sepult.: Fev 1983, Lisboa, , Lisboa, Portugal
imagem

Símbolo  Eventos de relevo na sua vida:



• Homenagem/Louvor/Reconhecimento: Quadro de Honra - Liceu Infante D. Henrique, a 15 Nov 1936, em Mindelo, São Vicente, Cabo Verde. 6ª Classe 273 pontos



• Homenagem/Louvor/Reconhecimento: Quadro de Honra - Liceu Infante D. Henrique, em 1937, em Mindelo, São Vicente, Cabo Verde. 7ª Classe, com 345 pontos



• Notas: em exame no Liceu Infante D. Henrique (7ª classe de Ciências), a 23 Jul 1937, em Mindelo, São Vicente, Cabo Verde.
Ver ao lado um recorte extraído do periódico mindelense "Notícias de Cabo Verde", nº 150, de 01-08-1937.
N.B.: Os nomes realçados e assinalados no recorte são de pessoas com páginas próprias neste site genealógico.

• Altura: 1,74 m, 1939. 1



• Assinatura / Rubrica: em documento assinado a 1939.

• Categoria / função laboral: em 1939 era professor interino do liceu Gil Eanes, em Mindelo, São Vicente, Cabo Verde. 1

• Encontrava-se solteiro em 1939 1



• Foto jovem: 1939. 1



• Prémio: medalha de bronze na Exposição Internacional dos Inventores, em Abr 1968, em Bruxelas, Bélgica.
O recorte ao lado é o da notícia publicada em 02-05-1968 no nº 299 do semanário capitalino "O Arquipélago".



• Obra: principais inventos, em 1968-1969,. 2
· Barragem Anemomotriz
- 1968 - (cf na fotografia ao lado no canto inferior à nossa esquerda) Medalha de bronze no Salão Internacional de Invenções e Técnicas Novas de Bruxelas
· Gravímetro Absoluto Fotoeléctrico de Mercúrio - 1969 - Medalha de ouro com felicitações do Júri e medalha de Honra da cidade de Bruxelas.
· Balizador Tangencial - 1970 - Medalha de ouro com felicitações do Júri e Taça de cristal da Boémia. Bruxelas.
· Teleondâmetro de Impulsos - 1971 - Medalha de ouro com felicitações do Júri. Bruxelas.



• Obra: principais inventos, em 1970-1971,. 2
· Balizador Tangencial
- 1970 - Medalha de ouro com felicitações do Júri e Taça de cristal da Boémia. Bruxelas.
· Teleondâmetro de Impulsos - 1971 - Medalha de ouro com felicitações do Júri. Bruxelas.



• Obra: principais inventos, em 1971-1981,. 2
· Fluxicóptero
- 1971 - Medalha de ouro. Bruxelas.
· Dispositivo de aceleramento da evaporação de soluções salinas para a indústira do sal - 1978 - (co-inventor). Medalha de ouro no Salão internacional de Genéve.
· Barragem Ecológica - 1978 - Medalha de ouro no Salão internacional de Genéve.
· Anjo Eólico - 1981 (co-inventor) - Medalha de ouro no Salão Internacional de Genéve.



• Foto de família.

• Nota biográfica: segundo caboverde-info.com,,. Humberto Fonseca nasceu no Mindelo, São Vicente. Era um dos sete filhos de Torquato Gomes Fonseca e Leopoldina Duarte Fonseca. Tendo terminado os estudos liceais, foi convidado para docente do Liceu Gil Eanes em São Vicente, durante uns anos, tendo então ingressado na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, onde obteve três graus de licenciatura, todos com nota máxima e distinção: Matemáticas, Geofísica e Engenharia Geográfica. Apesar das excelentes qualificações, a tentativa de encetar uma carreira académica depois de se formar em 1946 foi frustrada, devido ao facto de o seu nome ter sido vetado por questões políticas, resultado das suas actividades como líder da organização estudantil "Casa dos Estudantes do Império".

Foi casado com Maria Adélia de Barros Fonseca, com quem teve três filhos, Ana Maria de Barros Duarte Fonseca, José Pedro de Barros Duarte Fonseca e João Filipe de Barros Duarte Fonseca.

Em 1948 entrou para o Serviço Meteorológico Nacional e foi colocado, dois anos mais tarde, na sua cidade natal, Mindelo, onde dirigiu o Observatório Meteorológico local. Outros destacamentos levaram-no a Angola, à Ilha do Sal em Cabo Verde e a Lisboa. Foi Bolseiro da Junta de Investigação do Ultramar e da Fundação Calouste Gulbenkian. Foi Chefe do Serviço Meteorológico de Cabo Verde, Sub-Director do Serviço Meteorológico de Angola, Director do Serviço de Geofísica do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica Português.

Exerceu, entre outras, as seguintes funções: Presidente da Associação Académica da Faculdade de Ciências de Lisboa e da "Casa dos Estudantes do Império", Chefe da expedição científica ao Iona, em Angola, e membro da expedição científica à erupção do Vulcão do Fogo, em Cabo Verde, Delegado de Portugal em Comissões Meteorológicas Internacionais, Presidente da Associação Portuguesa de Criatividade, Director da Revista Inventiva, Membro do Júri Internacional do Salão Internacional de Invenções e Técnicas Novas de Genebra, na Suíça, Membro convidado do Júri Internacional do Salão Internacional de Invenções de Bruxelas e Presidente do Júri Internacional do Salão Mundial de Invenções e Investigação Industrial de Bruxelas.

Para além da carreira profissional, Humberto Fonseca desenvolveu considerável atividade no âmbito da inovação, atividade inventiva, investigação e criatividade em Angola e Portugal, tendo registado mais de uma dezena de patentes que lhe valeles estavam diversos e destacados prémios internacionais. Fundou em 1970 a Associação Portuguesa de Criatividade, que promoveu a participação de inventores em certames internacionais. Foi eleito membro do Júri do Salão Internacional de Inventores de Genebra, Presidente do Júri Internacional do Salão Mundial de Invenções e Investigação Industrial de Bruxelas, e distinguido com o título de cidadão honorário de Bruxelas pelas suas realizações e apoio aos inventores. Recebeu a título póstumo a Medalha de Ouro da cidade de Lisboa. No décimo aniversário da sua morte, realizou-se em Cabo Verde um Seminário dedicado à sua vida e obra e foi homenageado pela câmara do Mindelo, tendo sido atribuído o seu nome a uma rua e a uma escola da sua cidade natal. Das suas pesquisas, dedicou especial atenção aos problemas ambientais das Ilhas de Cabo Verde, levantando questões científicas muito à frente do seu tempo, no âmbito das energias do vento e das ondas .

Em 2006 foi criado em Cabo Verde o Observatório Atmosférico de Cabo Verde: Humberto Duarte Fonseca numa iniciativa bilateral da Alemanha e do Reino Unido. Em 2011, a Ordem dos Engenheiros de Cabo Verde realizou uma homenagem, a título póstumo, com a exibição de um filme sobre a sua vida e obra. Faleceu em Lisboa em 1983.



• Atividade profissional: proferindo uma conferência.



• Homenagem/Louvor/Reconhecimento: nome de rua, em Mindelo, São Vicente, Cabo Verde>.

• Nota biográfica: por ocasião do centenário de seu nascimento, a 14 Nov 2016,. Publicada no blog Coral Vermelho (clique aqui)


imagem

Humberto casou com Maria Adélia de BARROS ®. (Maria Adélia de BARROS ® faleceu em †.)


imagem

Fontes


1 "Divulgados por FamilySearch," Número do Filme: 007031418; registo nº1247, imagens 106 e 107; Arquivo Nacional de Cabo Verde, Praia. Data cit.: 27 Out 1939; clique aqui

"Cabo Verde, Bilhetes de identidade, Praia, RPSAC-Cx 408, peça 12, 1937-1942.Arquivo Nacional de Cabo Verde (Cape Verde National Archives), Praia.

2 Facebook ou similar, Informação e/ou fotografia no facebook desta pessoa (ou de parente próximo). Extraída para esta página, na data que se indica a seguir. Data cit.: 20 Mar 2024. NB: a fotografia eventualmente extraída da fonte poderá, fazendo uso de programas que utilizam inteligência artificial, ter sido recortada, realçada, retocada e colorida (se a branco e preto ou em tons de sépia).

Esclarecimentos do administrador deste site genealógico:

1) Por falta de um contacto (ou algumas vezes por descuido), não me foi possível pedir às pessoas a devida autorização para divulgar seus dados e/ou fotos neste site. A estas pessoas apresento desde já desculpas pelos eventuais constrangimentos causados por este procedimento, que não foi por indelicadeza, mas sim e apenas com intuito académico. Assim, aos que não desejariam conceder tal autorização, peço o favor de me contactarem com instruções a respeito (endereço electrónico incluso nesta página).

2) Este site tem também o propósito de recolher dados e correcções que permitirão aperfeiçoar o trabalho de pesquisa, pois certamente há de conter imprecisões. Assim, contamos consigo, e se quiser comentar ou solicitar o retiro, acrescento ou a troca de dados, documentos ou fotografias, sinta-se livre para me contactar (e-mail a seguir). Em muitas páginas não se encontram listados todos os filhos da pessoa apresentada. Nada impede de virem a ser paulatinamente acrescentados à medida que informações fidedignas nos forem fornecidas.

3) Em genealogia, os apelidos (sobrenomes) provenientes dos maridos das senhoras casadas, são omitidos nos nomes delas. Uma das razões: não criar dificuldades nas pesquisas em registos de nascimento.

4) Os nomes seguidos de um asterisco (*) são os dos ascendentes diretos de Jorge Sousa Brito. Assim, ao navegar a partir de um nome em linha ascendente e encontrar um nome com (*), saberá que este é dum antepassado comum de JSB e do portador do nome donde partiu.

5) Fotografias originais degradadas e/ou não a cores, vão sendo, após tratamento com ajuda de programas baseados em Inteligência Artificial, paulatinamente substituídas por versões com maior nitidez, tornadas coloridas e restauradas.

6) Nomes seguidos de um ® estão retratados por uma fotografia, uma pintura, um desenho, uma caricatura ou uma escultura de seu portador

7) A todos os que quiserem colaborar na construção desta árvore, convido igualmente a enviar informações, ficheiros e fotos para:

Emailjorsoubrito@gmail.com.

Pode procurar outros eventuais nomes nesta árvore utilizando a "box" a seguir:




Sumário | Apelidos | Lista de nomes

Esta página Web foi criada a 18 Jun 2024 com Legacy 9.0 de Millennia