seta seta
André FERMINO ®
(1859-1913)
Carlota de Pina BARBOSA
Hermano Fermino de PINA ®
(1894-1972)
Ana Quirino de BARROS ®
(1905-)

Carlota de Barros Fermino de PINA ®
(1941-)

 

Relações da família

Carlota de Barros Fermino de PINA ®

  • Nascimento: 24 Jan 1941, Fogo, Cabo Verde

Símbolo   Outro nome para Carlota é Lilica.

imagem

Símbolo  Eventos de relevo na sua vida:

• Facebook (acesso condicionado às restrições impostas pela pessoa). clique aqui

• Formação: Licenciatura en Filologia Germânica.

• Nota biográfica: em: https://www.eugeniotavares.org/docs/pt/noticias/lilica.html. Carlota de Barros, poetisa, cabo-verdiana, acarinhada por todos com um "nominho" bem cabo-verdiano de "Lilica", é filha de Hermano de Pina e de sua amada Ana de Barros "Aninhas", esse par romântico que inspirou o poeta Eugénio Tavares a compor a morna "Força di Cretcheu" poema máximo do Amor Cabo-Verdiano.

Nascida na Ilha do Fogo, com pena dos bravenses que gostariam que ela tivesse nascido na Ilha Brava, tal como os seus progenitores, a Carlota é uma beleza de Mulher Cabo-Verdiana tal como Eugénio Tavares descreveu sua mãe nesse romance de amor só igual em Paulo e Virgínia.

Fez a licenciatura em Filologia Germânica na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, dedicou-se ao Ensino em Cabo Verde e Portugal e vive hoje uma merecida reforma ao lado do seu marido Abílio Areal Alves, repartida entre sua casa em Benfica e a casa paterna do marido em São Nicolau - Cabo Verde.

Filha da Musa que inspirou Eugénio Tavares a compor tão belos poemas para o seu amigo Hermano de Pina, Carlota é toda ela uma poesia bonita, morena, cabo-verdiana, de um grande encanto e ternura.

Assim, não admira que Carlota nos tenha vindo surpreender com os seus versos repassados de amor ao estilo de Eugénio Tavares e de Cabo Verde, aquela terra de Mornas e de Encantos.

• Nota biográfica: em: http://www.caboverde-info.com/Identidade/Personalidades/Carlota-de-Barros-Fermino-Areal-Alves. Carlota de Barros Fermino Areal Alves nasceu na Ilha do Fogo em 24 de Janeiro de 1942. Durante a infância viveu nas Ilhas do Fogo, Brava, S.Nicolau e S.Vicente. Em 1949 mudou-se, com a família, para Moçambique onde permaneceu até 1957, ano em que partiu para Portugal. Neste país licenciou-se em Filologia Germânica, na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. Mora em Portugal desde 1974, mas visita constantemente o seu país.

Carlota de Barros é colunista do Jornal Artiletra, tem textos publicados na Revista Pré-Textos e em outras revistas de Letras e Artes. Em 2000, lançou o seu primeiro livro de poesia, "A Ternura da Água"; em 2003 publicou "A Minha Alma Corre em Silêncio". No ano de 2007, o Instituto da Biblioteca Nacional e do Livro editou o seu livro de poesia, "Sonho Sonhado", que é reeditado em 2008, numa edição trilingue (Crioulo, Português e Inglês), a primeira edição trilingue publicada em Cabo Verde.

A poesia de Carlota de Barros surpreende pela ternura que emana, o lirismo afetuoso e exacerbado a cantar as suas ilhas, tão suas que a permanência na terra-longe não reduz o seu sentimento, aliás, só aumenta a sua sensibilidade transfigurada em versos suaves, por vezes melancólicos, mas sempre apresentando um olhar solidário e de amor para o seu país, a sua terra cabo-verdiana. Uma poesia que merece um lugar de destaque dentro do felizmente diversificado panorama literário contemporâneo de Cabo Verde.



• Associação ou club: membro fundador da ACL Academia Cabo-verdiana de Letras, 23 Set 2013. Nota biográfica patente no site da ACL:

" Carlota de Barros, conhecida como Lilica pelos seus amigos, mas Carlota de Barros Firmino Areal Alves do seu verdadeiro nome, nasceu a 24 de janeiro de 1941 em Filipe, na ilha do Fogo. Filha de Ana de Barros e Hermano de Pina, casou com Abílio Areal Alves em 1965. Aos 2 anos de idade, mudou-se com a família para a ilha Brava, depois para São Nicolau, e finalmente para o Mindelo. Mais tarde ela viveu em Moçambique (1949-1957), depois em Portugal, em Lisboa, que ela considera "sua" cidade. Lá, estudou filologia germânica (não românica) na Universidade de Lisboa, curso que teve de abandonar para seguir o marido para Angola, em 1966. Apenas um ano depois, regressou a Cabo Verde, vivendo em São Nicolau até 1969, onde fundou o Externato de São Nicolau com o marido e iniciou a sua carreira docente, e depois a São Vicente de 1969 a 1974, onde lecionou na Escola Secundária Gil Eanes. Depois regressou a Portugal para completar os seus estudos e obter a sua licenciatura, ao mesmo tempo que ensinava em várias escolas de Lisboa e trabalhava para o Ministério da Educação (Gabinete de Estudos e Métodos). Ela vive agora entre a sua residência em Benfica, Portugal, e a casa paterna do seu marido em São Nicolau."


imagem

Esclarecimentos do administrador deste site genealógico:

1) Por falta dum contacto (ou algumas vezes por descuido), não me foi possível pedir às pessoas a devida autorização para divulgar seus dados e/ou fotos neste site. A estas pessoas apresento desde já desculpas pelos eventuais constrangimentos causados por este procedimento, que não foi por indelicadeza, mas sim e apenas com intuito académico. Assim, aos que não desejariam conceder tal autorização, peço o favor de me contactarem com instruções a respeito (endereço electrónico incluso nesta página).

2) Este site tem também o propósito de recolher dados e correcções que permitirão aperfeiçoar o trabalho de pesquisa pois certamente há de conter imprecisões. Assim, contamos consigo, e se quiser comentar ou solicitar o retiro, acrescento ou a troca de dados, documentos ou fotografias, sinta-se livre para nos contactar (e-mail a seguir). Em muitas páginas não se encontram listados todos os filhos da pessoa apresentada. Nada impede de virem a ser paulatinamente acrescentados, à medida que informações fidedignas nos forem fornecidas.

3) A todos os que quiserem colaborar na construção desta árvore, convido igualmente a enviar informações, ficheiros e fotos para:

Emailjorsoubrito@gmail.com.

4) Os nomes seguidos de um asterisco (*) são os dos ascendentes diretos de Jorge Sousa Brito. Assim, ao navegar a partir de um nome em linha ascendente e encontrar um nome com (*), saberá que este é dum antepassado comum de JSB e do portador do nome donde partiu.

5) Nomes seguidos de um ® estão retratados por uma fotografia, uma pintura, um desenho, uma caricatura ou uma escultura de seu portador

Pode procurar outros eventuais nomes nesta árvore utilizando a "box" a seguir:




Sumário | Apelidos | Lista de nomes

Esta página Web foi criada a 19 Mai 2022 com Legacy 9.0 de Millennia